BLOG LUÍS MACHADO – Sexta-feira, 20.05.2022

MULHER NA POLÍTICA, POR QUE SÃO TÃO POUCAS?

Pode ser uma imagem de 3 pessoas e pessoas em pé

*Nem todos se dão conta da importantíssima participação feminina da mulher, na política. Aliás nem elas mesmas. Quando se conversa com algumas, a respeito do processo político-partidário, logo surgem as mais diferentes justificativas para não terem participação mais ativa.

Ainda repercute o fato de que a ex-presidente Dilma Rousselff , por ter sido impedida de terminar seu segundo mandato, em meio a escândalos de corrupção, não teria deixado um legado frutuoso. Algumas dizem que já não convence o discurso de que as mulheres precisam ocupar seu espaço, já que também elas deixam-se envolver na prática de atos não republicanos, praticados pela maioria dos homens.

Mas, apesar de tudo, existem alguns avanços. Basta ver que, em Pernambuco os dois nomes apontados com maior densidade eleitoral para as eleições de outubro próximo, são de mulheres – Marília Arraes e Raquel Lyra. Há que se enaltecer outros nomes, desta feita, de pré-candidatas aos Parlamentos estadual e federal, como é o caso de Socorro Pimentel e Vera de Barros Figueiredo, respectivamente.

  • Socorro é médica e esposa do atual prefeito de Araripina, sertão pernambucano. Dona de enorme carisma, disse ao Blog que está na política por sentir-se ainda mais próxima do povo, numa dimensão maior do que já faz, na medicina. Perdeu as eleições, em 2018 por apenas 450 votos, mas desta vez está confiante ainda mais na vitória.

Socorro apoia Miguel Coelho (UB), para governador. Já Vera Figueiredo é Assistente Social e pedagoga (fazem as dobradinha), trabalhando no meio das comunidades de Dois Carneiros e arredores, em Jaboatão dos Guararapes, numa incansável presença junto aos mais necessitados. Perdeu o mandato de vereadora, em 2020, por pouquíssimos votos. Apoia Marília Arraes, pré-candidata ao governo do Estado. Em suma, malgrado algum progresso das mulheres, na política, o fato é que o número delas ainda é pequeno. Isso também porque política partidária ainda é quase tabu. Por culpa dos homens que não deram bom exemplo.

*Compartilhe e faça opinião!

_____________________________________________

Comento, argumento. Só não invento!

Contatos do editor:

WhatsApp: (81) 98732.5244.

E-mail: machado_country@hotmail.com

Facebook: blogluismachado.com.br

Instagram: @luismachado.

Deixe um comentário

Posts Recentes