Blog Luis Machado

ELEITORES AMERICANOS PODEM SERVIR DE EXEMPLO PARA NÓS

ELEITORES AMERICANOS PODEM SERVIR DE EXEMPLO PARA NÓS

ELEITORES AMERICANOS PODEM SERVIR DE EXEMPLO PARA NÓS

ELEITORES AMERICANOS PODEM SERVIR DE EXEMPLO PARA NÓS

Eleitor 'desconfiado' deve seguir até a eleição - Novo Momento

Quem não sofreu pelo menos uma vez, a censura por parte de alguém, por esboçar preferência por determinado candidato? Muitos podem testemunhar isso, especialmente em pleitos acirrados.

Vem do Interior do Brasil, o exemplo de que nem todos os eleitores dizem em quem votarão ou citam nome diverso de quem efetivamente irá votar. Isso muitas vezes para não perder a simpatia ou até mesmo a amizade de algum parente ou amigo. Muitos ficam na moita e não abrem nem sob tortura, sua preferência e, o que se vê muitas vezes é um resultado diverso do que se havia apostado.

Nestes novos tempos de material de campanha bastante diversificado, em que se pode divulgar o candidato através do veículo, por exemplo, não é difícil encontrar eleitor que recusa a fixação de “perfurados”. Isso para “não dá o serviço”.

Pois é o que está acontecendo nos Estados Unidos, em que o eleitor induziu a erro, alguns institutos de pesquisa. Lá, em alguns Estados, a vitória de Joe Biden sobre Donald Trump era tida como certa e deu exatamente o contrário. Bem que o eleitor brasileiro, especialmente o recifense poderia tomar isso como exemplo. Qual a vantagem disso? É que não se daria vida ou se mataria de véspera, candidatos merecedores, cujos institutos de pesquisa estão, muitas vezes a serviço de interesses escusos, como ocorre muito por aqui.

Rapidíssimas

  • Candidato é eleito depois de morto – Dakota do Norte (USA) elege candidato republicano que morreu de Covid-19 em outubro. David Andahl, de 55 anos, morreu no dia 6 de outubro. Ele obteve 36% dos votos e foi eleito para representar o oitavo distrito estadual de Dakota do Norte. Como a votação por correspondência começou no estado em 18 de setembro, o nome de Andahl não pôde ser retirado da cédula após sua morte, disse o secretário de Estado de Dakota do Norte, Alvin Jaeger.

  • Carlinhos Bala é presidente do PP – Disputando uma vaga na Câmara Municipal do Recife, o ex-jogador de futebol e candidato a vereador pelo Progressistas (PP) Carlinhos Bala  é o novo presidente estadual do PP Afro, movimento criado em 2015 pelo partido com o objetivo de incentivar a construção de políticas públicas para o desenvolvimento da cultura negra. O convite partiu do deputado federal e presidente estadual do Progressistas, Eduardo da Fonte, e do presidente estadual da juventude Progressista,  Eduardo Fonte. Conhecido no estado como o “Rei de Pernambuco”, por sua trajetória de sucesso nos três grandes times pernambucanos, Carlinhos Bala agora terá pela frente a missão de defender a população negra, junto com a presidente do PP Afro Mulher, Jemima Fernandes.

  • Paredão da Delegada? – Na última terça-feira, a candidata à prefeita, Delegada Patrícia Domingos (Pode) realizou o Paredão da Delegada, ação em que percorreu bairros da Zona Norte e Zona Oeste do Recife, em um único veículo e um carro de apoio, sem paradas. O evento foi realizado de acordo com as determinações do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) de não promover atos que causem aglomerações. A candidata percorreu as vias de algumas comunidades com as músicas da campanha. Pela manhã, Patrícia circulou pela Guabiraba, onde teve uma agenda rápida. Na parte da tarde, o Paredão deu a volta pelos bairros do Engenho do Meio, Cordeiro e Iputinga. Rua Bicentenário da Revolução Francesa, Estrada do Forte do Arraial, Rua Miguel Vieira Ferreira foram trajetos percorridos. Patrícia também passou ao lado do Clube da Sudene, pela Rua Bom Pastor, percorreu um pequeno trecho da Avenida Caxangá.

  • Teoria dos 50% – Chegou o momento crucial para se testar: Eleitor quer ou não, dinheiro para votar? Nossa teoria é aquela de que, metade da culpa da maioria dos políticos em não honrar o voto, é do eleitor. Tem eleitor que, se pudesse deixaria o candidato despido. Tem anedotas quanto a isso, de todo tipo. Inclusive aquela em que, o candidato fumava um cigarro. Eleitora chegou e pediu R$ 10,00 pra votar. Como ele não tinha, no momento ela disse: Então, me dê esse resto aí (do cigarro)…

  • Candidatos desconhecidos – Se estivéssemos próximos eu lhe daria R$ 100,00 se me dissesse, sem demora, qual o nome do candidato a prefeito do Recife, pelo PCO. Assim, tem muitos por aí. Alguém saberia explicar o porquê da ilusão?

  • Cabo de Santo Agostinho – Parece que as coisas estão mais sossegadas, lá no Cabo, já que o candidato a prefeito Antônio Resende não tem me ligado pra dizer que Lula Cabral aprontou mais uma. Será?

  • E Arnaldo Delmondes? – O nobre colega Aristeu Del Picchio me questionou, hoje, acerca do candidato a prefeito de Jaboatão, Arnaldo Delmondes (PCdoB). Falei mais uma vez: Tem que esperar pra ver. Ele diz que vai ganhar no primeiro turno. Na pior das hipóteses, no segundo. É aguardar pra conferir!…

Comento, argumento. Só não invento!

WhatsApp do editor do Blog Luís Machado: (81) 98732.5244.

Banco de Alimentos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes