Blog Luis Machado

João e Mano são os mais vistos na vitrine do Carnaval

João e Mano são os mais vistos na vitrine do Carnaval

João e Mano são os mais vistos na vitrine do Carnaval

João e Mano são os mais vistos na vitrine do Carnaval

É incontestável que, em Pernambuco, os protagonistas em termos de visibilidade, neste carnaval, foram e estão sendo João Campos e Mano Medeiros, prefeitos do Recife e de Jaboatão dos Guararapes, respectivamente.

Inegável também que, num ano eleitoral, se os dois já se movimentavam publicamente, com desenvoltura, o período momesco cai como uma luva e os gestores citados estão tirando proveito disso, cujas máquinas administrativas lhes propiciam enorme vantagem, frente aos concorrentes, quando o assunto é eleição, em outubro próximo.

Ok. Mas, o que João e Mano têm de diferente, em relação aos demais prefeitos? Em principio, não teriam nada, além dos outros, não fosse por um detalhe: É que o fato de Recife e Jaboatão serem as duas maiores cidades – ensejando em torno delas os holofotes midiáticos – ambos se apresentam como sendo “um de nós”. Ambos atuaram como verdadeiros foliões, ‘no meio do povo e com o povo’. Isso foi talvez o maior diferencial.

João Campos descoloriu (“nevou”) o cabelo, numa referência aos jovens da periferia, sendo o bastante para repercutir até nacionalmente. Este, pelo fato de está sendo bem avaliado, em sua gestão, obteve adesão de outros líderes políticos e tudo isso acaba sendo uma espécie de “fome com a vontade de comer”, cuja vitrine mais famosa foi o mega desfile do Galo da Madrugada, no Sábado de Zé Pereira.

O mesmo se deu (embora em termos proporcionais) com o prefeito do Jaboatão, Mano Medeiros. Também este deu uma turbinada no cabelo. Vestiu bermuda e pôs, como adereço, um grosso colar no pescoço, tendo como alvo direto e imediato, reels de conteúdo interativo com o povão, disparados em tempo real, através das redes sociais.

É como se diz, no adágio popular: ‘o rio só corre para o mar’ e isso tem tudo a ver com o fato de que, quem está à frente da Administração de uma máquina poderosa, como as já citadas, tem todas as ferramentas de sucesso, numa corrida eleitoral à reeleição. E se o gestor gosta de cheiro do povo, aí, não tem pra ninguém…

Na indústria do Turismo e de entretenimento, já não há mais dúvida de que Jaboatão entrou para a galeria das cidades promotoras de grandes eventos, no Estado. Isso foi constatado a partir do rèveillon, virada de ano, na Orla de Candeias. Há, no meio, quem já coloque Jaboatão ao lado de Olinda, nesse aspecto.

Há quem considera que, Olinda parece está cedendo espaço para Jaboatão. A verdade é que, a Marim dos Caetés só ainda se sobressai, graças à fama nacional de grande polo cultural, independentemente de quem seja o gestor. Afinal, trata-se de um Patrimônio Cultural da Humanidade.

É inegável que, tudo passa pelo crivo de uma gestão que seja pelo menos razoável e as críticas ao prefeito Professor Lupércio (PSD), neste segundo mandato só cresceram. Como se vê, Pernambuco tem tudo para ter outros grandes centros de turismo, cultura e lazer, além da Capital.

2 thoughts on “João e Mano são os mais vistos na vitrine do Carnaval

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes