Blog Luis Machado

Notícias

Lula recua e diz que “com briga não se aprova nada no Congresso”

Lula recua e diz que “com briga não se aprova nada no Congresso”

Lula recua e diz que “com briga não se aprova nada no Congresso”

Lula recua e diz que “com briga não se aprova nada no Congresso”

Em Primeira Mão – Coluna Diária. Saiba agora o que os outros só vão dar amanhã

*Pelo Jornal O Poder.

O presidente Lula evitou dar detalhes sobre a conversa com o presidente da Câmara, Arthur Lira, e defendeu a articulação política, minimizando a crise entre Executivo e Legislativo. Lula ressaltou que não teve uma reunião, mas, sim, uma conversa com Lira, destacando que não é obrigado a revelar o conteúdo. Para ele, os problemas no Congresso são normais na política. “A gente não vai viver em uma eterna briga. Porque se você optar pela briga não aprova nada. O país é prejudicado, vamos conviver com todo mundo”, declarou hoje o presidente, durante café da manhã com jornalistas convidados.

imagem noticia-2

Apelo pelos reféns dos terroristas do Hamas

O presidente Lula informou também aos jornalistas hoje, em café da manhã, que o Brasil assinou com outros 16 países um pedido ao Hamas para a libertação dos reféns capturados no ataque terrorista de 7 de outubro em Israel e levados para Gaza. A declaração é conjunta de Brasil, Alemanha, Áustria, Argentina, Bulgária, Canadá, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, França, Hungria, Polônia, Portugal, Romênia, Reino Unido, Sérvia e Tailândia. Para as nações signatárias, a libertação dos reféns permitiria um cessar-fogo imediato.

imagem noticia-3

Alckmin quer ter a agilidade do Papa-léguas

O vice-presidente e ministro Geraldo Alckmin, que foi instigado por Lula a ser mais ágil na sua ação, usou hoje as redes sociais para postar uma imagem do personagem de desenho animado infantil Papa-léguas com a seguinte frase: “o presidente Lula pediu para acelerar. Pé na tábua.”

imagem noticia-4

Câmara convida Elon Musk para audiência

A Comissão de Segurança Pública da Câmara aprovou hoje um convite para o bilionário Elon Musk, dono da plataforma X, participar por videoconferência de uma audiência pública no Congresso. O convite foi aprovado em regime de urgência na comissão. O órgão também aprovou um convite ao jornalista americano Michael Shellenberger, o primeiro a escrever sobre os arquivos do X e o STF.

Leia mais em O Poder:

– Em alguns casos e de forma gradativa, vários Tribunais estão revendo a posição de que um réu que cumpre pena por crime qualificado possa passar para regime domiciliar pelo fato de ficar idoso (completar 60 anos).

– O Superior Tribunal de Justiça (STJ), o segundo tribunal mais importante do Brasil, elegeu hoje o ministro paraibano Herman Benjamim. O novo presidente do tribunal tem um mandato no biênio 2024-2026.

Usando pinturas de guerra, indígenas de várias etnias caminharam hoje em direção ao Congresso Nacional para pressionar os congressistas a descartarem o chamado Marco Temporal da Constituição de 1988, que limitou a demarcação de novas terras até a aprovação da Constituição. Com apoio do STF e com a negativa do Congresso, os indígenas querem a reabertura do prazo. Se tiverem uma decisão favorável, qualquer área do Brasil pode ser retomada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes