Blog Luis Machado

Notícias

Mano Medeiros foi destaque em Brasília

Mano Medeiros foi destaque em Brasília

Mano Medeiros foi destaque em Brasília

Mano Medeiros foi destaque em Brasília

Avesso a holofotes, prefeito de Jaboatão, Mano Medeiros, vira atração no Palácio do

Planalto

Luís Medeiros entre o ministro Jader Filho e a governadora Raquel Lyra, em Brasília

*Por Terezinha Nunes/Blogdellas.

Segundo maior município de Pernambuco, Jaboatão dos Guararapes enfrentou duas tragédias recentes. A primeira aconteceu em maio de 2022 quando uma enxurrada deixou 63 pessoas mortas, 20 delas em Jardim Monte Verde. A segunda foi no dia 3 de abril deste ano quando um micro-ônibus, velho e desgovernado, desceu uma ladeira por onde passava uma procissão, e atropelou 34 pessoas das quais cinco faleceram. Em 2022 o Governo do Estado prometeu ajudar o município a recuperar Jardim Monte Verde, deslocando residências e fazendo uma praça no local. O governador Paulo Câmara terminou o mandato e não concluiu a licitação que passou para a governadora Raquel Lyra e  continua tramitando.

O prefeito Mano Medeiros, do PL, partido de Bolsonaro, usou de habilidade e procurou o ministro das cidades, Jáder Filho, para pedir ajuda, entregando projetos para recuperação de áreas de encosta ameaçadas de desabar e para renovação da frota do transporte complementar da qual fazia parte o micro-ônibus que matou cinco pessoas. Também inscreveu os projetos no PAC Seleções. Esta quarta-feira veio a resposta. Convidado para participar da solenidade do PAC em Brasília, Mano recebeu a notícia, dada pelo ministro, de que Jaboatão receberá R$ 215 milhões dos R$ 418 milhões destinados a Pernambuco (mais de 50% do total do estado).

Mano acabou citado pelo ministro Jader Filho em nome de todos os prefeitos presentes. Ele também ganhou espaço nos discursos da governadora Raquel Lyra, que falou em nome dos governadores, e do presidente Lula. O presidente o citou como exemplo de que não está havendo discriminação na distribuição dos recursos federais já que estava sendo atendido um prefeito de oposição. Em seu pronunciamento, o ministro das cidades aproveitou para citar a tragédia de dois anos atrás em Jaboatão com 63 mortos e afirmou que estava sendo liberado R$ 60 milhões  para Jardim Monte Verde, onde o estado também vai investir R$ 48 milhões.

Certamente que a tragédia do Rio Grande do Sul acordou o Planalto mas se o prefeito não tivesse entregue os projetos e cumprido todas as exigências federais, ia ficar a ver navios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes