Blog Luis Machado

Notícias

MARÍLIA É CANDIDATA DO PT E JOGA HUMBERTO, NO COLO DO PSB

MARÍLIA ARRAES X HUMBERTO COSTA | blog do Marivan Melo

Desta vez a deputada federal Marília Arraes (PT) parece que não será rifada em seu projeto de candidatar-se a Prefeita do Recife – ao contrário do que ocorreu em 2018, quando tinha tudo para disputar as eleições ao Governo do Estado -, apesar do rolo compressor orquestrado pelo Senador Humberto Costa que, nunca escondeu sua antipatia pela neta de Miguel Arraes, quando o assunto é candidatura dela, ao invés de apoiar João Campos, nome mais que indicado à sucessão do atual prefeito Geraldo Júlio.

Dono de centenas de cargos hospedados na Prefeitura e no Estado, Humberto não teria, a rigor, motivos para morrer de amores pela candidatura de Marília, já que, para ele implicaria desembarcar da base do Governo, abrindo mão do monte de empregos lá existentes em favor dos seus. Para HC é melhor deixar tudo como está e o projeto do PT em lançar candidaturas nas capitais e principais cidades do País, que se dane. Mas não é só isso.

Humberto sabe que o pós-eleições municipais que se avizinha, será objeto de mudanças importantes no cenário local e, dado à tremenda falta de quadros qualificados no PSB – por conta dos sucessivos escândalos de corrupção e desgaste angariado em suas sucessivas gestões -, poderá isso abrir portas em favor do petista, visando às eleições de 2022. Até porque comenta-se nos bastidores que o Governador Paulo Câmara, quando terminar o mandato, jogará a toalha e não será candidato a nada. Não por menos que, no vai-e-vem de encontros e desencontros, quem sempre dá as caras é o Senador Fernando Bezerra Coelho. Ora, entre FBC e HC, este teoricamente levaria vantagem à sucessão de PC, nesse complicado jogo de xadrez socialista.

E não seria nenhuma heresia afirmar que, a subida de Humberto Costa no palanque de João Campos, preterindo sua correligionária de partido, afrontando a cúpula do PT (leia-se Gleisi Hoffmann, José Genuíno e companhia) por todos os motivos do mundo, será um prato cheio para o corte de seu cordão umbilical do PT e, via de consequência, ser jogado de vez, no colo do PSB. Sabe-se que, o clima está pesado por lá e, em conversas mais reservadas, em Brasília, Humberto estaria sendo considerado ingrato ao Partido que o projetou nacionalmente mas que, agora deixa de abraçar o projeto de candidatura de Marília, no momento em que mais se precisa dele. Agora é cada um por si e Deus por todos, não é, senhor Humberto?

AUXÍLIO DE ARAQUE CAUSA NOJO, EM PERNAMBUCO

Ao todo, R$ 10,4 milhões foram pagos de maneira irregular a servidores estaduais e municipais — Foto: Caio Rocha/Framephoto/Estadão Conteúdo

Enquanto milhões de brasileiros ainda não receberam sequer a primeira parcela do Auxílio Emergencial, identificou-se que 15 mil servidores receberam o precitado auxílio, em Pernambuco e valor chega a R$ 10,4 milhões

Um cruzamento de dados feito pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) e pela Controladoria Geral da União (CGU) identificou que 15.061 servidores públicos de Pernambuco receberam o auxílio emergencial concedido durante a pandemia da Covid-19. A quantia, paga de forma irregular a esses profissionais, foi de R$ 10,4 milhões. O levantamento foi divulgado nesta quinta-feira (25) de junho).

De acordo com o presidente do TCE-PE, Dirceu Rodolfo Melo Júnior, parte dos servidores identificados recebeu o dinheiro automaticamente, por ter cadastro ativo no Bolsa Família ou CAD Único. Outros 5 mil servidores solicitaram voluntariamente. “Os servidores podem ter sido vítimas de fraude ou podem ter recorrido ao auxílio. Identificamos um perfil diversificado, de médicos, advogados, copeiros que fizeram solicitação”, afirmou.

Para os servidores que não tinham cadastro, foram pagos R$ 2,8 milhões, sendo R$ 1,1 milhão na primeira parcela e R$ 1,7 milhão na segunda parcela.

Ainda de acordo com o TCE, servidores de 20 municípios do estado são responsáveis pelo recebimento de 40% do total pago a servidores públicos em Pernambuco. Os funcionários atuam nas cidades de Pesqueira, Petrolina, Garanhuns, Saloá, Limoeiro, Caetés, Passira, Escada, Brejo da Madre de Deus, São José do Belmonte, São Caetano, Caruaru, Ibimirim, Paranatama, Paulista, Terezinha, Recife, Jaboatão dos Guararapes e Cabrobó.

Após o levantamento, feito com base nas folhas de pagamento do mês de maio, o TCE-PE e a CGU entraram em contato com o Ministério da Cidadania para bloquear o pagamento de parcelas posteriores.

“Também vamos notificar os agentes públicos para que os servidores devolvam o dinheiro e o recolhimento seja feito através de Guia de Recolhimento da União. Caso não seja devolvido, pode haver desconto em folha”, afirmou o presidente do TCE-PE.

Segundo o superintendente da CGU em Pernambuco, Fábio Araújo, as situações precisam ser analisadas individualmente, para constatar se houve fraude envolvendo o nome do servidor ou tentativa de receber o auxílio de maneira indevida. “Vamos analisar caso a caso. Essas pessoas vão ter que devolver o dinheiro, mas também podem sofrer sanções administrativas ou penais”, afirmou.

Segundo Araújo, há também, outros 2 mil servidores federais que atuam no estado e também receberam o auxílio emergencial. A situação está sendo apurada diretamente pelo Ministério da Cidadania. O trabalho feito pelo TCE e pela CGU deve continuar pelos próximos meses para identificar outros possíveis servidores que podem ter recebido os valores indevidamente nos meses seguintes.

PREFEITURA DO RECIFE DISTRIBUI 100 MIL MÁSCARAS, DE GRAÇA

Vai ser a partir de segunda-feira (29). Estações itinerantes vão percorrer mercados, feiras e ruas do Centro da capital com orientação sobre prevenção ao novo coronavírus. Aos moradores da Zona Sul, a distribuição será feita no Parque Dona Lindú.

RAPIDÍSSIMAS

  • Eu sabia que essa brincadeira não ía dá certo! É que, no afã de adiar-se as eleições desse ano, por causa da pandemia do coronavírus, está havendo é quebra de braço no Congresso entre Deputados e Senadores. É que uns são a favor de deixar tudo como está, enquanto outros querem a realização para novembro ou dezembro. E há um terceiro grupo que gostaria de ver prorrogados os mandatos dos atuais vereadores e prefeitos. Comenta-se que, a maioria dos que defendem o adiamento e/ou prorrogação, está mesmo é pensando em jogar as eleições pra frente, já que os escândalos de corrupção atrapalharia os planos de partidos e gestores, já que o povo iria lembrar disso e votar contra. Pode uma coisa dessas?

  • Pronto. Agora é que o medo e preconceito de alguns doarem sangue aumentará, já que o Supremo derrubou a proibição de homossexuais doarem sangue. Agora também eles poderão ser doadores.

  • Enquanto nós estamos horrorizados com o avanço da epidemia fazendo vítimas, nos Estados Unidos apenas ontem quase 37 mil americanos foram a óbito. Meu Deus!…

  • Enquanto de apregoa o “fique em casa”, o Governo não disse quando a terceira parcela do Auxílio Emergencial será paga. Como ficar em casa, de barriga vazia?

  • Lembram daquelas matérias na Televisão, mostrando centenas de profissionais de saúde de vários Estados, nos aeroportos embarcando para a Região Norte, há mais de dois meses, para lá trabalhar em hospitais de campanha do coronavírus, com direito a hospedagem, alimentação, etc? Pois a o Governo ainda não pagou os salários deles. A irresponsabilidade de alguns nesses Ministério da Saúde é mesmo gritante.

  • Pois, se a situação da pandemia era terrível, imagine agora, sem remédios, conforme a imprensa noticiou no dia de ontem! Se um ser humano está entubado numa UTI é coisa impensável, o que dirá se lá está sem medicamentos! Tudo isso por causa da ausência de ações integradas por parte do Governo Federal e governos estaduais. Quanto sofrimento dos contaminados e seus familiares! Que lástima!

Detra maio 2020 CNH

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá