Blog Luis Machado

Notícias

PORQUE MARÍLIA ARRAES VENCERÁ JOÃO CAMPOS

Boca de urna no Recife: João Campos tem 35% e Marília Arraes 30%

Com as eleições presidenciais de 2018 veio um fato novo que na verdade nem era tão novo assim, mas que ganhou força, especialmente nestas eleições municipais de 2020: O chamado voto útil.

Todos sabem que, em 2016, tal qual ocorrerá agora, no Recife, parte do eleitorado votou no então candidato Jair Bolsonaro, no segundo turno, para não ver Fernando Haddad do PT ser eleito presidente. Ou seja, não votaram em Bolsonaro. Votaram mesmo foi contra o candidato do PT.

Pois muito bem. Na ressaca do primeiro turno, sabe-se que, com a sucumbência de Mendonça Filho e da delegada Patrícia Domingos, terá o eleitorado de direita que fazer a escolha entre os esquerdistas Marília e João. Com efeito, outros ingredientes são objeto de tempero, na salada das duas campanhas, tais como, os ataques de João à Marília e seu partido (PT), como se o PSB não estivesse mergulhado num mar de escândalos. O povo sabe que as acusações de João à Marília, são oportunistas, por motivos óbvios. Não deverão surtir efeitos consideráveis, a ponto de desmontá-la da sucessão de Geraldo Júlio.

Ora, se considerarmos o universo de votantes da esquerda junto com o eleitorado de Marília Arraes, no primeiro turno e mais: Se considerarmos que o PT de volta ao poder seria menos nefasto que o continuísmo do PSB, aí fica fácil concluir que, a maioria dos que nela votarão, na verdade nem votarão nela. Votarão é contra o PSB que governa o Recife há oito anos mas não disse a que veio, já que o Recife sofre as mazelas do insucesso da gestão socialista.

Em suma: o povo não aprova baixaria, em campanhas; o povo está cansado dos governos do PSB; o povo quer a experiência de uma mulher, na Prefeitura, pela primeira vez; o povo vomita os conchavos políticos e por fim, o povo mudará por quer mudar. Ponto. Por isso, Marília Arraes vencerá João Campos.

Rapidíssimas

  • Morre Fernando Vannucci – Esporte de luto. Apresentador Fernando Vannucci, morre aos 69 anos em São Paulo. Famoso pelo bordão ‘Alô, você!’, jornalista foi âncora de telejornais da Rede Globo, como o Globo Esporte. A causa da morte foi infarto, segundo o Hospital Central de Barueri, na Grande SP, onde Vannucci foi atendido nesta terça (24).

  • Música sertaneja de luto – Corpo de Seu Francisco, pai de Zezé Di Camargo e Luciano, é enterrado em cemitério de Goiânia. Francisco José de Camargo, de 83 anos, morreu após uma parada cardiorrespiratória no hospital em que ficou 14 dias internado. Parentes e famosos prestaram homenagens.

  • Quando a idiotice é maior que a prudência – Embaixada da China repudia postagem que Eduardo Bolsonaro publicou e depois apagou. Deputado disse que Brasil apoia aliança global para um 5G ‘sem espionagem da China’. Segundo nota da embaixada, falas do filho do presidente caluniam país asiático. O que será que esse cidadão ganha com isso?

  • Até que enfim, um gesto nobre – Idosa de 92 anos ganha família após ser reconhecida em reportagem. A pandemia, que afastou tanta gente nos últimos meses, foi responsável por dar uma família nova para dona Gracia. Sozinha e sem nenhum parente vivo, ela vai ganhar a companhia de uma antiga amiga, a cuidadora Marilene.

  • É hora de contar os prejuízos – São milhares de testemunhos e queixas, de ex-candidatos a prefeito e vereador que, diante das circunstâncias, não foram eleitos. Sobrou para boa parcela deles, problemas correlatos a esse tipo de empreendimento. Afinal, em política não há empate. Ou se ganha ou se perde. E quem perde, terá que contabilizar os prejuízos atinentes a estresse, dinheiro, inimizades, só para citar alguns. Daqui a quatro anos tem mais. É só se preparar melhor.

Comento, argumento. Só não invento!

WhatsApp do editor do Blog Luís Machado: (81) 98732.5244.

Blog - HCP - Hospital de Câncer de Pernambuco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá