Blog Luis Machado

Notícias

PRÉ-CANDIDATOS A PREFEITO, ESTÃO FORA DA REALIDADE

Confira os resultados da primeira pesquisa eleitoral do Recife ...

É preocupante ver que, a considerar os perfis e discursos dos pré-candidatos a prefeito do Recife, há motivo de sobra pra população se preocupar, diante da falta de realismo em seus pronunciamentos, confrontando isso com gravíssimos problemas que aí estão, sem falar na herança que os novos gestores herdarão dos que irão deixar o poder, em janeiro próximo.

Impressiona o fato de que, ao invés de demonstrarem preocupação em resolverem alguns gargalos urgentes, como a falta de mobilidade urbana, violência e criação de postos de trabalho, por exemplo, estão é discutindo alinhamento político-ideológico, como se isso fosse o que mais interessa à população.

É como se as pautas mais urgentes dependessem de estarem eles (pré-candidatos) alinhados ou não com o Presidente Jair Bolsonaro que, propositalmente trabalha um cenário no qual as atenções devam está sempre voltadas para ele, ensejadas por ações de Governo e declarações impactantes, envolvendo, via de regra os outros poderes da República.

Mas, na verdade, o que se quer saber é, por exemplo, o que irão fazer os senhores prefeitos, a partir de janeiro, com ou sem pandemia. Pra ser sincero, dessa safra de políticos que aí está, com raríssimas exceções, não se pode esperar nada. Eles em geral não inspiram confiança, pois lhes faltam algo novo, inovador, fora de paradigma, algo que empolgue, que suscite novos ares, somados, é claro, à valentia, coragem, altivez e ousadia.

procurador geral da república a serviço do crime?

Grupo da Lava-Jato na PGR pede demissão após aliada de Aras buscar ...

Por Fábio Leitte de “O Antagonista”.

“A guerra aberta pela Procuradoria-Geral da República contra a Lava Jato tem como principal alvo a ‘matriz’ de Curitiba, mas o desmonte das forças-tarefas dedicadas a combater o maior esquema de corrupção já descoberto no país deve produzir um impacto ainda pior na ‘filial’ de São Paulo, onde os inquéritos envolvem, principalmente, os esquemas do PT e do PSDB…

São Paulo é um exemplo concreto do estrago que o plano de Augusto Aras pode provocar na Lava Jato. Nos dois anos em que atuou sem procuradores com dedicação exclusiva, entre 2017 e 2018, a força-tarefa paulista realizou uma única operação. O grupo, inclusive, foi alvo de críticas por causa da lentidão nas apurações. A partir de 2019, quando cinco procuradores passaram a se dedicar exclusivamente aos inquéritos, oito operações foram realizadas, como a que levou à denúncia contra o senador José Serra, do PSDB, no início do mês.

O cerco da PGR à Lava Jato atinge São Paulo justamente no período em que as investigações começaram a deslanchar. São mais de 100 procedimentos em curso dentro do grupo que conta com apenas oito procuradores. No início do ano, membros da força-tarefa foram até Brasília pedir reforços a Augusto Aras, mas as decisões do chefe do MPF foram no sentido contrário…”

Rapidíssimas

  • CEF não paga alvarás – A maré não está mesmo pra peixe. É que, por causa da pandemia, os tribunais agiram presteza, mandando transferir valores das contas judiciais para a Caixa Econômica creditar nas contas de quem tem direito. Só que, como o que é público (ou tem o carimbo da coisa pública) funciona precariamente, com a caixa não está sendo diferente. Ou seja, a Justiça faz a parte dela, mas a Caixa Econômica Federal não faz. Isso fez a Justiça Federal mandar o Banco pagar aos advogados em 10 dias, sob pena de multa diária. Mas ainda assim, a situação é caótica.
  • Fechamento de Comarcas – Afinal, as mais de 40 Comarcas do Interior do Estado vão mesmo fechar ou não? Como se não já não fosse grande o sofrimento dos mais pobres, agora vem essa ideia de penalizar os mais pobres que com isso, teriam que viajar dezenas de quilômetro para uma simples audiência, por exemplo. Como advogado sei que não é fácil.
  • A Lava Jato – Será que o Procurador Geral da República vai conseguir acabar com a Lava Jato, só porque PT e PSDB seriam os mais beneficiados? Olha… Sem comentários!…
  • Pandemia banalizada – Parece que a sensação de impacto causada pelo novo coronavírus, aos poucos vai deixando as pessoas como quê acostumadas ou resignadas. Mas que ninguém esqueça de que o drama continua e a situação de milhões de brasileiros é cada vez mais desesperadora, diante da falta de assistência do poder público, aos mais vulneráveis.
  • Fake news – Pois não é que tem até pré-candidato sentindo-se prejudicado com as malditas fake news? Ocorreu com o Pr. Jairinho. Foram dizer que seu partido não lhe daria a legenda e que iria apoiar o candidato do Governo. Teve que ir à cúpula do Partido para ter certeza de que tudo era notícia falsa. Eu, hein?

Escrevo, comento e argumento. Mas não invento!

WhasApp do Editor do Blog Luís Machado: (81) 9 8732.5244.

Banco de Alimentos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá