Blog Luis Machado

Notícias

VEREADOR DE JABOATÃO não utiliza gabinete e portas estão sempre fechadas. Muito estranho, não?

Resultado de imagem para fotos do vereador melquezedeque de jaboatao dos guararapes

Quando se diz que Jaboatão dos Guararapes é uma terra ‘sui generis‘, diferente e com características próprias e bem distintas dos demais municípios pernambucanos, não se está exagerando. Especialmente quando o assunto é política partidária, como se verá a seguir.

É notório que, políticos eleitos, em todos os níveis, chegam aos seus gabinetes tão comprometidos com suas bases eleitorais, a ponto de, ao final do mandato, alguns deles olharem para trás e verem que poucas vantagens obtiveram, dado às dificuldades e pressões sofridas de todos os lados, por aqueles que os elegeram. O fato é que, a grande maioria abarrota seus gabinetes de auxiliares nomeados em cargos comissionados, ainda que falte espaço para todos eles, fisicamente falando.

Isso existe em toda repartição pública do Executivo e do Legislativo, certo? Errado. Pelo menos em relação ao Vereador Melquizedeque Lima de Almeida (PTC), de 43 anos, mais conhecido como Melque, reeleito Vereador de Jaboatão dos Guararapes, com 2.978 votos.

É que, acaba sendo intrigante para servidores e até colegas parlamentares da Câmara, ver que, um vereador eleito e reeleito, não abra, sequer as portas do seu Gabinete, ao atendimento público daqueles que necessitam encontrá-lo para os mais diversos pleitos e reivindicações, como aliás, é de direito. Segundo uma fonte que pediu anonimato, muitas são as pessoas que desfilam por lá, na esperança de encontrar o vereador, porém, sem sucesso.

Ora,convenhamos! Se na época de campanha o ilustre representante do povo era quase onipresente, então por que não continua sendo assim? Seria para não ser importunado? Ou será que as sagradas portarias de nomeações foram para pessoas que não podem ser vistas? Bem, se isso é o motivo, então o nobre vereador está equivocado. Afinal, sua condição de representante do povo lhe impõe certas atribuições, vez que a representatividade vem do povo ao eleito, cujo mandato pertence a este povo, e em seu nome é exercido. Se liga, Vereador Melque!

Rapidíssimas

  • . Petrobras, na bimba do boi – Conhecem o ditado de que ‘quando o urubu está de azar, o de baixo caga o de cima’? Pois é o que tem ocorrido com nossa petrolífera Petrobras, cujo comandante foi pelo presidente Bolsonaro destituído do cargo, insatisfeito que está diante dos sucessivos aumentos nos preços dos combustíveis. Mas o azar da empresa reside no fato de que, mal se recupera do baque que levou (esteve quase falida nos governos do PT) e agora se vê em risco de encolher mais uma vez, já (que a política de preços por ela implementada é regida com base na especulação no preço do barril, tendo como dado complicador, a alta do dólar) Bolsonaro só precisou dizer que haveria novidade, para a cotação das ações da Empresa despencarem em quase 10% na Bolsa de Valores. E haja acionista de cabelo em pé!

  • . E o deputado preso, será cassado ou não? – Bem, esta sexta-feira (19) foi redonda, em confirmar o que todos já sabiam: Que Daniel Silveira continuaria preso e que suas excelências os deputados arautos do moralismo ético-democrático ficariam do lado dos 11 “iluminados” senhores ministros do STF. Ora, ficou na cara que, o Congresso Nacional não tem moral para acusá-lo de praticar a ditadura da toga. Se eles não têm auto-estima, preferindo ficar de joelhos diante do todo-poderoso STF, ao povo só restará uma saída: Ir as ruas, exigir a renúncia dos que se curvam, deixando o povo atônito, sem qualquer representante revestido de dignidade.

  • E por falar no deputado machão!… – Em discurso na Câmara, Silveira diz que se excedeu ao atacar STF e pede desculpas. Deputado fez pronunciamento virtualmente da prisão onde se encontra, no Rio. Votação pelo plenário da Câmara decidirá se decisão do STF de prendê-lo será mantida ou derrubada. Olha… Vale à pena comentar?

  • . E Paulo Câmara, foi convidado? – Na verdade, o que se noticiou inicialmente foi que o Governo Federal convidou o governador Paulo Câmara, que teria recusado o convite para compor a comitiva presidencial, no sertão pernambucano, por conta chegada da água por lá. Depois vieram os comentários de que Bolsonaro não teria feito o convite. Mas, enfim, Câmara foi ou não foi convidado? Eita briga égua de egos, meu Deus!

  • . Líderes que representam mais que parlamentares – Uma das consequências da falta de representatividade é que lideranças comunitárias já demonstram ter o apreço de prefeitos, mais do que certos parlamentares. Isso se deve ao baixo nível de vereadores, deputados e senadores. É triste ver que alguns foram eleitos para simplesmente nada. Só para citar três líderes: Tia Ro e Jânio Martins e Cíntia Urbano, em Limoeiro-PE e Recife, respectivamente. Mas isso será objeto de uma edição específica, do Blog. Parabéns, aos dois!

  • . Governo do Estado abandona pacientes – Impressionante o descaso com que o Governo do Estado lida a questão da falta de medicamentos, na Farmácia do Estado de Pernambuco. São milhares de pessoas que necessitam de medicamentos de uso contínuo. Algumas deslocam-se de suas cidades no Interior do Estado para pegar remédios que há meses desapareceram das prateleiras da Farmácia. O descaso é tão grande, a ponto deles sequer darem informação ao público, via telefone que, existe, porém ninguém atende. Que crueldade. Que lástima?

Comento, argumento. Só não invento!

WhatsApp do editor do Blog Luís Machado: (81) 98732.5244.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá