Blog Luis Machado

Notícias

Blog Luís Machado – terça-feira 23-03-2021.

ALUGUEL DE CARROS DE LUXO, POR DEPUTADOS ESTADUAIS, EM TEMPOS DE PANDEMIA, CAUSA REVOLTA, NAS REDES SOCIAIS.

Assembleia Legislativa de Pernambuco – Wikipédia, a enciclopédia livre

Vem causando revolta, especialmente através das redes sociais, a notícia de que a Assembleia Legislativa de Pernambuco, apesar do lockdown decretado pelo governador Paulo Câmara (PSB), com todas as medidas restritivas em todo o Estado, sem qualquer cerimônia, publica edital de licitação, para locação de veículos, quando se sabe que tudo está praticamente parado e que, a rigor, trata-se de locações feitas com valores altíssimos, pra lá de absurdos.

Ao todo, serão locados 72 automóveis, dentre eles 49 SUVs, exatamente a mesma quantidade de deputados estaduais em exercício. Entre as exigências para os veículos, publicadas no edital oficial, estão: veículo tipo SUV com quatro portas, capacidade para cinco passageiros, alarme antifurto, ar condicionado e bancos revestidos em couro.

O documento que detalha a licitação está no Diário Oficial. O gasto com o aluguel de cada veículo é de pouco mais de R$ 9,6 mil, por mês. O valor total para atender aos 49 deputados estaduais é estimado em cerca de  R$ 500 mil, por mês, equivalente a R$ 6 milhões anuais. Na lista, há carro com valor de aluguel estimado em mais de R$ 13 mil, por mês. 

A previsão é que a empresa que vai prestar o serviço seja escolhida na próxima quinta-feira (4). O serviço de locação será de 12 meses, esse período pode ser prorrogado. A coisa é tão vergonhosa que a Assembleia Legislativa se recusa a comentar sobre o assunto.

Não menos frustrante é que, nem mesmo os parlamentares de oposição abrem mão da citada regalia e estão todos calados. Isso, apesar de exercerem seus mandatos sempre à base de denúncias contra os ‘mal feitos’ do Governo. Sabemos que a pandemia tornou-se mais agressiva a partir de março do ano passado. Mas, em que pese todas as restrições de distanciamento, não se dignou a Mesa-diretora da Alepe proceder algum aditamento contratual, junto à empresa-locadora para diminuição dos valores de aluguel. E agora, quando tudo o que é de votação é feita por video-conferência, cada parlamentar vota de forma virtual, lá de seus aposentos. Então, o que justifica tamanha despesa, que ultrapassa à casa de meio milhão, por apenas 12 meses?

Como se vê, enquanto falta o pão na mesa de milhões de pernambucanos que, ainda sem qualquer auxílio emergencial, sofrem com a falta do necessário e milhares de cidadãos perdem seus empregos, já que está praticamente impossível manter uma empresa de portas abertas, vem os senhores feudais “representantes”do povo com mais essa cusparada na cara de todos nós. Até quando, isso?

Comento, argumento. Só não invento!

WhatsApp do editor do Blog Luís Machado: (81) 98732.5244.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá