COVID-19: PAVOR QUE PARECE NÃO TER FIM. TODO CUIDADO É POUCO!

Não é novidade pra ninguém que, desde março desse ano o Brasil e o Mundo assistem perplexos, à situação de caos porque passam os sistemas de saúde, ao redor do Planeta.

Só que, a perplexidade, ao contrário do esperado, só faz aumentar e por uma razão simples: A grande maioria do povo, por incrível que pareça, ainda não se deu conta de que o novo coronavírus é perigoso e mata de forma implacável. É como se soubessem que a doença existe mas a contaminação é mais para os outros do que para mim. Ora, o vírus permanece do mesmo jeito entre nós. Mas, dado à fadiga que a situação em função dele provocou – com quarentenas, distanciamento social, medidas preventivas, etc -, parece haver dificuldade de ver que os riscos agora parecem terem-se tornado ainda maiores, infelizmente.

Passaram-se as eleições e, agora o que se espera é que sociedade e Governos, nas três esferas de poder (Municipal, Estadual e Federal) robusteçam o “modus operandi” de combate à epidemia. Afinal, mais vale um pouco de sacrifício e consciência por um pouco de tempo, do que jogarmo-nos a todos, na escuridão indefinida do tempo e, aí sim, seria a face mais terrível e cruel dessa realidade.

Necessário se faz e é urgentíssimo sermos criativos, proativos no engenho da iniciativa em favor dos mais fragilizados. Sem terceirizar o problema a quem quer que seja, cada um deve chamar a si a responsabilidade pelo outro. Só assim o sofrimento de muitos que já era enorme, não aumentará de forma assombrosa, impiedosa. Especialmente em relação aos que estão mais à frente da linha de combate. Trata-se de uma guerra de proporções globais e gigantescas que, como tal, exige a união de todos. Absolutamente todos. E não apenas em sede de redes sociais, mas de forma real e efetiva. Que Deus nos ajude a todos!

Rapidíssimas

  • Covid-19 só após as eleições? – É o que está parecendo. O secretário de Saúde da Prefeitura do Recife, Jailson Correia, testou positivo nesta terça-feira (01)12). Jailson, que também é médico, está com sintomas leves e em isolamento, cumprindo quarentena. Também o deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos) também comunicou em suas redes sociais que contraiu o novo coronavírus.

  • Ainda na ressaca das eleições, no Recife – Tem “ajuda” que só atrapalha. O MST encheu as ruas do Centro do Recife e travou o trânsito, para mostrar forças ao PT de Marília Arraes, tudo no estilo de antigamente. O povo, instigado por João Campos e ainda traumatizado com as costumeiras cenas vermelhas, revoltou-se e espalhou aos milhões os vídeos, contribuindo ainda mais para aumentar a repulsa ao PT e sua candidata. Resultado não poderia ser diferente. Quanta falta de discernimento e tiro no pé!

  • Covid-19 pegou até Genival Lacerda – O coronavírus não dá mole. Até o cantor Genival Lacerda está na UTI. Genival Lacerda, de 89 anos, está internado no Hospital Unimed I, na Ilha do Leite, na área central do Recife. Segundo o filho dele, o cantor João Lacerda, o artista está com a Covid-19, em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). As informações são do G1/PE.

  • João Campos quer distância do PT – Numa de suas primeiras manifestações públicas, após a vitória, o prefeito eleitor do Recife, João Campos (PSB) disse nesta manhã de terça-feira (01/12) ao programa Geraldo Freire, da Rádio Jornal que não quer a participação de setores do PT em sua administração. Coerente. Afinal, Campos espinafrou a bandeira vermelha até à última gota de sangue. Unir-se a eles seria não só dá um tiro no pé. Seria atirar nos dois.

Comento, argumento. Só não invento!

WhatsApp do editor do Blog Luís Machado: (81) 98732.5244.

Deixe um comentário

Posts Recentes