Blog Luis Machado

Notícias

PT do Recife pressiona João Campos pela vice e causa desconforto

PT do Recife pressiona João Campos pela vice e causa desconforto

PT do Recife pressiona João Campos pela vice e causa desconforto

PT do Recife pressiona João Campos pela vice e causa desconforto

Lembram daquela situação em que a jovem apaixonada aposta todas as fichas para fisgar seu “príncipe encantado” não correspondido e com isso o afasta ainda mais, sob a premissa de que “coisa muito oferecida, não tem preço”? Pois é isso o que está acontecendo nos bastidores de PT e PSB, do Recife.

Tudo porque o PT local tenta a todo custo emplacar um de seus quadros como candidato a vice, na chapa de João Campos e este, por sua vez não dá sinais de aceitação, pelo menos por enquanto. Com isso, o tempo vai passando e os ânimos ficam cada vez mais à flor da pele, já que, por birra, os caciques petistas não absorvem a “demora” excessiva do prefeito, em bater o martelo, em favor dos mesmos e, também por birra, Campos – por não vê motivos para “tanta pressa” – vai cozinhando o galo, como se diz na gíria popular.

A demonstração de fadiga dos petistas, nessa questão do vice acaba de ser cristalizada na medida em que o Partido marcou encontro para o próximo sábado, visando abrir espaço para inscrições de quem pretenda se candidatar a vice.

Na verdade, a intenção era escolher, logo no próximo sábado, o nome a ser apresentado publicamente, como indicação (leia-se pressionar), ao prefeito João Campos. Mas, por orientação do presidente Lula, achou-se melhor não fecharem questão, de imediato, para não constranger o prefeito. Questão de estratégia.

Para quem conhece o histórico passado de “caminhar juntos” de PT/PSB, surge uma pergunta, no ar: Por quê tanta sede ao pote dos petistas, em querer ter um vice que possa ser eleito, com João Campos, se para está no Governo socialista eles nem precisam de um vice? Ora, isso acendeu uma luz vermelha no juízo da Família Campos.

É que, 2026 vem aí e, sendo o prefeito do Recife candidatíssimo ao Governo do Estado, quem sentaria na cadeira do Prefeito? O petista, vice dele, claro! Os socialistas sabem dos riscos que daí resultaria. Como têm consciência de que a reeleição de João Campos não depende do PT, não há porquê correr o risco de “entregar o ouro ao bandido”.

A propósito, é bom que se diga que, não fosse o elevado grau de amizade da família Campos com o presidente Lula, o senador Humberto Costa e companhia já teriam chutado o pau da barraca. Ninguém comenta, mas as assertivas do PT já causam desconforto, ao gestor socialista. Só que a amizade Campos/Lula vai além dos interesses político-partidários e disso ninguém tem dúvida. Sem falar que, Lula precisa muito mais do palanque montado para ele, por João Campos, em 2026, do que de um vice petista, na chapa majoritária do prefeito do Recife. Ponto.

One thought on “PT do Recife pressiona João Campos pela vice e causa desconforto

  • Marcílio Leao

    Lula , ex presidiário, não tem amigo e sim comparsa. João Campos eh da mesma laia.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes