Blog Luis Machado

Notícias

Coronel Feitosa afirma que reunião da CCLJ só reforça a falta de diálogo do Governo com Alepe e a PMPE

Logo na abertura da reunião, o presidente da Comissão de Constituição e Justiça, Antônio Moraes, da base de apoio ao Governo, apresentou uma tabela de reajuste e extinção das faixas salariais da categoria que foi imediatamente questionada pelo deputado estadual Coronel Alberto Feitosa. “De onde vem esses dados que o Sr apresenta em um documento sem qualquer identificação? Essa tabela não bate com o que a categoria tem em mãos e só mostra a total falta de diálogo do Governo do Estado com a categoria e com os parlamentares desta Casa Legislativa sobre um tema crucial que é a Segurança Pública de Pernambuco”, questionou Feitosa.

O Projeto do Governo foi aprovado na Comissão de Justiça e seguirá para a Comissão de Finanças e para a Comissão de Administração para então seguir oo Plenário.

O parlamentar convocou a categoria a se manter unida e presente acompanhando a votação nas Confissões e em Plenário. “Para os soldados que estão comendo serra e trocando tiro nas ruas, o aumento para 2024 é de R$ 119,70 apenas. E por esse Projeto do Governo que propõe aumento gradativo, a índices de de 3% a 3;5% até 2026, será um reajuste inferior aos índices previstos de inflação. A Comissão de Justiça, através daqueles que votaram a favor desse Projeto, votou contra a família Policial Militar e Bombeiro Militar “, protestou Feitosa.

Votaram a favor do Projeto do Governo: Antonio Moraes, Renato Antunes, Débora Almeida, João Paulo Lima e Luciano Duque. Votaram contra: Romero Albuquerque, Waldemar Borges, Sileno Guedes e Rodrigo Farias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Recentes

Olá